Polícia | 14/12/2017
REDENÇÃO: Réu é condenado a 21 anos de reclusão pelo crime de feminicídio0
Na última segunda-feira (11) foi realizado em Redenção o júri do réu Deusimar Pereira da Silva, acusado pelo Ministério Público do Estado de ter cometido o crime de feminicídio contra a sua ex-companheira, Maria Barbara da França Silva, com intenção de matar e por motivo torpe, utilizando-se de recurso que impossibilitou a defesa da ofendida e em razão da condição desta ser do sexo feminino, daí traduzida a situação da violência doméstica.
Pelo Ministério Público do Estado atuou a 1ª Promotora de Justiça Criminal de Redenção, Magdalena Torres Teixeira.
O crime ocorreu na data de 15 de junho de 2016, por volta das 19h, no Município de Redenção-PA, na residência da vítima, que foi atacada com duas facadas de surpresa, enquanto pegava lenha da residência, para acender o fogo, após retornar de uma caminhada com uma amiga.
Deusimar Silva encontrava-se separado da vítima, com quem conviveu por cerca de cinco anos. Contudo, insistia constantemente para que reatasse o relacionamento com a ex-companheira, sempre rondando a residência desta e a ameaçando de morte.
O Conselho de Sentença acatou todas as qualificadoras presentes na pronúncia e o Réu foi condenado a pena de 21 anos de reclusão em regime fechado, a ser cumprida no Centro de Recuperação Regional de Redenção.
A vítima deixou oito filhos, sendo um menor de 12 anos de idade.
Atuou no júri o defensor público Arclébio Avelino da Silva e presidiu a sessão o juiz Cesar Leandro Pinto P. Machado.
Deixe Aqui Seu Comentario

Nome :

Email :

Captcha

Comentario :

Aviso Importante: Os comentários publicados não refletem a opinião deste site. Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade dos seus autores. Não serão publicados comentários totalmente em letras maiúsculas (caixa alta). O site reserva-se o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional também serão excluídos.

sites / blogs