Atualidade | 18/05/2017
Onix deve ser retirado do mercado após zero em teste de segurança, diz Proteste
Chevrolet Onix recebeu nota zero em teste de colisão do Latin Ncap
SÃO PAULO – Após teste indicar que o Onix não é seguro em colisões laterais – o carro levou zero estrela no quesito segurança para adultos resultado divulgado nesta quinta –, a Proteste lançou uma petição eletrônica pedindo que o modelo não seja mais comercializado no país.
Mais vendido no país desde 2015, o Onix “é também um dos mais inseguros”, diz texto publicado pela associação de consumidores. “Nós estamos exigindo a retirada do Chevrolet Onix do mercado brasileiro. E precisamos de seu apoio para que nossa reivindicação tenha ainda mais força”, continua o apelo.
Realizado pela associação latinoamericana Latin NCAP, o teste verificou que o veículo da Chevrolet não seria aprovado pela regulação da ONU (UN95), nem pela Norma Federal de Segurança Veicular dos EE.UU. (FMVSS214). Isso o impediria de ser vendido na Europa e nos EUA. Para crianças, a proteção ficou em 3 estrelas.
“Este veículo é o mais vendido no Brasil por dois anos seguidos. E o seu resultado foi vergonhoso. Ele recebeu zero estrela, o que quer dizer que ele é muito perigoso. E vale destacar que modelos equivalentes da mesma montadora vendidos na Europa e Estados Unidos possuem resultados muito melhores de segurança do que o disponibilizado em nosso país”, disse, em nota, o Gerente de Testes em Produtos e Serviços da Proteste, Sergio Mardirossian.
A respeito do teste, a Chevrolet disse, em nota, que “cumpre integralmente com todos os requisitos locais de segurança”.
(Fonte: Infomoney)
Deixe Aqui Seu Comentario

Nome :

Email :

Captcha

Comentario :

Aviso Importante: Os comentários publicados não refletem a opinião deste site. Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade dos seus autores. Não serão publicados comentários totalmente em letras maiúsculas (caixa alta). O site reserva-se o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional também serão excluídos.

sites / blogs