Política | 20/04/2017
Tucumã: Savanas apresenta requerimento que visa buscar recursos para atender comunidade indígena
Savanas recebeu abaixo-assinado das lideranças indígenas pedindo a recuperação de estradas e pontes
Os vereadores de Tucumã aprovaram, por unanimidade, requerimento de número 011/2017 de autoria do presidente da Câmara Municipal, vereador Savanas, solicitando a viabilização de recursos financeiros por meio do Ministério da Integração Nacional, para que o município de Tucumã possa fazer a recuperação de 74 km de estrada vicinal que dá acesso à aldeia Kikretum e também a construção de uma ponte para atravessar o rio Branco.
A preocupação do vereador Savanas é em razão do estado de quase intrafegabilidade que a estrada vicinal se encontra no momento. As lideranças indígenas da etnia Kayapó fizeram um abaixo assinado com aproximadamente 300 assinaturas o qual foi anexado ao requerimento e será enviado a Helder Barbalho, ministro da Integração Nacional.
ISOLAMENTO: De acordo com Savanas, a estrada que dá acesso à aldeia com extensão de 74 km, a partir da rodovia estadual PA-279, encontra-se praticamente intrafegável e com o agravante da ponte sobre o rio Branco, com 65 metros de extensão, também encontrar-se em ruína. “Essa situação coloca em risco toda uma comunidade que depende da cidade de Tucumã para se abastecer e também é o local onde buscam assistência à saúde. Hoje, em caso de emergência, fica muito difícil a situação, uma vez que é grande a dificuldade de deslocamento, podendo levar os doentes a óbito”, lembrou Savanas.
(Roney Wydiamaior)
Deixe Aqui Seu Comentario

Nome :

Email :

Captcha

Comentario :

Aviso Importante: Os comentários publicados não refletem a opinião deste site. Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade dos seus autores. Não serão publicados comentários totalmente em letras maiúsculas (caixa alta). O site reserva-se o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional também serão excluídos.

sites / blogs