Polícia | 20/04/2017
TUCUMÃ: Maranhense acusado de matar 12 pessoas é preso
Galego era foragido da justiça
Um homem acusado de ter assassinado 8 homens e quatro mulheres, no Estado do Maranhão, foi preso na cidade de Tucumã, sul do Pará onde morava da forma mais tranquila, como se não devesse nada para a Justiça. Roberto Mesquita da Silva, vulgo “Galego”, foi preso na última quinta-feira (13), em cumprimento ao mandado de prisão preventiva expedido pela Justiça da cidade de Bom Jardim, no Estado do Maranhão.
De acordo com informações da Polícia Civil, o suspeito também responde a outras acusações de crimes de homicídio. Com a prisão do elemento que era considerado como um homem acima de qualquer suspeita, a polícia espera esclarecer as acusações que pesam contra ele de que teria assassinado uma dúzia de pessoas.
Os crimes teriam sido praticados contra oito homens e quatro mulheres. A prisão do acusado foi fruto da operação realizada pela equipe de policiais civis da Delegacia de Polícia Civil de Tucumã, composta pelo delegado William Crispim, investigador Vasconcelos, investigadora Maria e escrivão Douglas.
(Dinho Santos)
Deixe Aqui Seu Comentario

Nome :

Email :

Captcha

Comentario :

Aviso Importante: Os comentários publicados não refletem a opinião deste site. Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade dos seus autores. Não serão publicados comentários totalmente em letras maiúsculas (caixa alta). O site reserva-se o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional também serão excluídos.

sites / blogs