Atualidade | 23/02/2017
Estadualização da estrada vicinal que liga Tucumã a Marabá começa a ser estudada pela Setran
A estrada vicinal que interliga os municípios de Tucumã e Marabá, passando pelas vilas e distritos de Ladeira Vermelha, Plano Dourado, Lindoeste, Sudoeste, Cascalheira, São Francisco, Teilândia Tancredo, região de São Félix do Xingu e 4 Bocas, pertencente ao município de Marabá, poderá ser estadualizada. Para isso um projeto de lei deverá ser apresentado na Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa).
A estrada vicinal concentra uma grande circulação de veículos, tanto em razão da alta produção agropecuária da região, quanto em função do fluxo de estudantes e moradores que se deslocam para os municípios vizinhos.
EXPANSÃO: Durante três dias, o secretário de Estado de Transportes, Kleber Menezes, acompanhado do vice-presidente da Alepa, deputado estadual Miro Sanova, na companhia dos vereadores de São Félix do Xingu, Sílvio Coelho, Gersica Magalhaes, Sercino Cristo e Adilson Santa Fé, percorreram todo o percurso de estrada de terra que liga Marabá até o município de São Félix do Xingu. “Estamos fazendo um estudo para expansão da malha viária do estado. Vimos de perto e sentimos a dificuldade que a população enfrenta para escoar as riquezas que são produzidas nessa região. Aproveitamos e fizemos uma inspeção de toda a rodovia da PA-279 e iremos levar um relatório ao governador Simão Jatene”, frisou Menezes.

PONTES DE METAL: O deputado estadual Miro Sanova acredita que esse assunto deve ser
abonado pelos parlamentares e também pelo governo estadual, visto que o projeto visa proporcionar mais segurança aos usuários que utilizam essas vias e com isso criem uma maior possibilidade de investimentos para a região com a implantação de recursos estaduais. “São aproximadamente 300 pontes de madeira e iremos sugerir de imediato boa parte dessas pontes sejam substituídas por pontes de metal e iremos solicitar que o governo do estado desloque máquinas para manter a trafegabilidade da via vicinal”, garantiu Sanova.
DUPLICAÇÃO: Com relação à duplicação da rodovia entre Tucumã a Ourilândia do Norte, Kleber Menezes informou que existe uma ordem de serviço assinada pelo governo do estado, porém a mesma está suspensa devido à crise financeira.
“Queremos minimizar o sofrimento dessas pessoas, que precisam se deslocar até o centro urbano para atendimento médico especializado, atividades comerciais e escoamento da produção”, destacou Savanas, presidente da Câmara Municipal de Tucumã.
(Roney Wydiamaior)
Deixe Aqui Seu Comentario

Nome :

Email :

Captcha

Comentario :

Aviso Importante: Os comentários publicados não refletem a opinião deste site. Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade dos seus autores. Não serão publicados comentários totalmente em letras maiúsculas (caixa alta). O site reserva-se o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional também serão excluídos.

sites / blogs