Polícia | 13/09/2018
TUCUMÃ: Delegado e familiares são presos em operação policial 
Rodrigo Motta França foi preso acusado de associação criminosa, peculato, furto, concussão, ameaça, extorsão e tráfico de drogas
O delegado titular da Delegacia de Tucumã, Rodrigo da Mota França, e outras quarto pessoas foram presas preventivamente na última quinta-feira (6), durante uma operação da Corregedoria da Polícia Civil. Eles são acusados dos crimes de associação criminosa, peculato furto, poluição do meio ambiente, concussão, ameaça, extorsão, tráfico de drogas, comércio ilegal de arma e roubo majorado com emprego de arma de fogo nos municípios de Tucumã e Ourilândia do Norte, sudeste paraense. 
Além do delegado, foram presos a esposa e o pai do delegado, além de um mecânico de motocicletas, suspeito de revender peças de veículos apreendidos na Delegacia de Tucumã. Durante cumprimento de mandados de busca na casa do delegado, foi encontrada e apreendida uma arma de fogo sem porte legal. Dessa forma, foi lavrado o procedimento de flagrante por posse ilegal de arma de fogo.
A operação foi desencadeada pela Corregedoria Geral, com o apoio de policiais civis vinculados à Diretoria de Polícia do Interior (DPI) e do GPE (Grupo de Pronto Emprego). 
Os presos irão ficar recolhidos à disposição da Justiça em unidades do Sistema Penitenciário do Pará.
Deixe Aqui Seu Comentario

Nome :

Email :

Captcha

Comentario :

Aviso Importante: Os comentários publicados não refletem a opinião deste site. Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade dos seus autores. Não serão publicados comentários totalmente em letras maiúsculas (caixa alta). O site reserva-se o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional também serão excluídos.

sites / blogs